A era da ansiedade

Postado por rui vladman fonte em sexta, novembro 30, 2012 Em: Opinião Pessoal


Transtorno de ansiedade generalizada muito possivelmente é o problema maior do mundo em saúde mental. É verdade, a ansiedade é um problema bem maior do que se pensava através de um espeto que inclui ataques de pânico, transtorno obsessivo-compulsivo, estresse pós-traumático, fobias e transtorno de ansiedade generalizada de acordo com uma Pesquisa Mundial de Saúde Mental em 18 países, ao ler isso fez-me pensar, será que estamos realmente a entrar numa era da ansiedade? Muito possivelmente, entre maus diagnósticos e bons já devemos ser mesmos muitos, para contribuir ainda mais junta-se a má economia mundial que certamente vai trazer mais membros para o clube dos ansiosos e depressivos.

Mas como a má economia pode influenciar esses casos?

Estava a ler uma reportagem sobre os postos de saúde da cidade de Londres em que têm relatado um grande aumento nas chamadas de profissionais voltados para casos mentais. A linha de apoio utilizado por grandes bancos de Londres e empresas financeiras receberam 3500 chamadas em Junho de pessoas com ansiedade e depressão, foi um aumento de 10 por cento sobre o ano passado. O director do projecto James Slater diz: "As pessoas estão preocupadas com os despedimentos e uma possível recessão, o que aumenta a ansiedade das pessoas, pode derrubá-los sobre a borda." então terá a crise mundial a contribuir para isso? Claro que sim. Mais uma vez, estaremos a entrar em uma era da ansiedade? Possivelmente sim.
Ainda existe um factor ainda mais negro, na Grécia, um pais que esta a passar por uma enorme crise os suicídios aumentaram 17%!
Fazer uma pausa esta a ficar cada vez mais difícil, é como o tema do aquecimento global, sabemos que esta a acontecer mas não se tomam medidas drásticas para o reverter, aqui é a mesma coisa e pelas mesmas razoes, o aquecimento global vai continuar por causa dos impérios financeiros e os casos ansiosos vão continuar para tentarem manter esses mesmos impérios, mas isso só se vai perceber quando chegar ao tipo de uma epidemia, acreditem o mundo moderno está a mudar, para pior.

Como vejo o tema

A recessão, austeridade ou crise ou qualquer outro nome que se arranje vos digo, gera ansiedade, depressões e suicídios, e isso é um facto, a maneira actual para a combater é com fármacos que deixam uma pessoa menos produtiva, ora menos produção mais recessão, mais recessão menos riqueza, menos riqueza mais crise, mais crise mais distúrbios mentais, é como se fosse uma bola de neve, os números falam por si, tem aumentado em todo o mundo. Acho que os profissionais de saúde mental não estão preparados para lidar com esta mudança e tratam todos os casos de maneira como se o mundo precisasse ansiosos ou depressivos, vejam, tudo sem que ser adaptado incluindo a maneira que estes casos são tratados, não se pode tratar um caso depressivo da mesma maneira que era tratado à dez ou quinze anos atrás, será que estamos a entrar numa era de ansiedade, o curto ou médio prazo vamos descobrir, mas a continuar assim é bem possível.    
 

Em: Opinião Pessoal 



    
   
 
  
   
  
   
   
  
   
      
  
   
   
  
   
    

Sobre Mim


Rui F. Sei que ter ansiedade atrasa todo o processo da vida e pelo que dedico muitas horas para levar até si tudo o que possa ajudar a compreender esta doença. Foi uma forma que encontrei para tornar útil a minha ansiedade.
  

Outros Projetos Pessoais

Fique a Saber

Práticas Alternativas


Informação e ajuda à ansiedade, depressão e ataques de pânico
Information and help with anxiety, depression and panic Attacks
Información y ayuda con ataques de ansiedad, depresión y pánico
L'information et aider avec des d'anxiété, dépression et la panique

Vladman.net © 2010-2017

vladman.net