A formação em psicologia positiva

Postado por Rui Fonte em sexta, dezembro 21, 2012 Em: Pensar Positivo

Recentemente conclui mais um projecto que tinha em mente, a formação em psicologia positiva. Vários amigos meus me disseram "para que raio queres tu fazer isso?". Na verdade nem eu sei, afinal não tem nada a haver com o que eu faço na minha vida profissional, apenas precisava de um objectivo e pegando no tema do site optei por essa mesmo. A decisão não foi à primeira, estava indeciso entre outra mas não fiquei arrependido, a outra formação se tudo der certo também a vou fazer, a ver vamos.  

Psicologia positiva, o objectivo

Na actividade da psicologia positiva deve ter-se em conta que o seu objectivo não é propriamente ensinar nem muito menos exercer psicoterapia, quem a pratica é sobretudo um animador, tendo como finalidade despertar atitudes optimistas e comportamentos de sinal positivo como a auto-confiança.
A psicologia positiva aprende-se com o objectivo de facilitar atitudes positivas, pensamentos optimistas, redução de stress de grupos, animação de grupos visando um estado de bom humor, desenvolver a esperança e o espírito empreendedor, o bem-estar, etc.
Objectivamente, a psicologia positiva estuda, com rigor científico, os factores que podem contribuir para o bem-estar, a auto-estima, o optimismo e a felicidade das pessoas, aumentando com isso as defesas contra as enfermidades de natureza psicológica (depressão, ansiedade, etc.) e também orgânicas (doenças psicossomáticas, cardíacas, nervosas, etc.). A sua aplicação na vida das pessoas traz inúmeros benefícios não apenas no campo da saúde como também num melhor aproveitamento dos recursos individuais, aptidões e talentos que elas possuem.

O que faz um animador de psicologia positiva?

Um APP é uma pessoa treinada para ajudar grupos e equipas a saberem adoptar uma postura optimista, alegre, pró-activa e criativa através de workshops, cursos e actividades de animação. Um APP pode trabalhar como técnico independente ou prestar os seus serviços em clínicas, empresas, clubes, escolas, centros da 3ª idade, etc.

Os temas a serem debatidos podem ser os mais variados:

- mente positiva
- felicidade
- alegria
- solidariedade
- serenidade
- maturidade
- autoconsciência
- inteligência emocional
- inteligência social
- como superar crises na vida
- ganhar energia espiritual e emocional
- autoconfiança
- saúde e bem-estar

Para que servem: 

- Para levantar a prática: o que pensam as pessoas, o que sentem, o que vivem e sofrem. 
- Para desenvolver um caminho de teorização sobre esta prática como processo sistemático, ordenado e progressivo. 
- Para retornar à prática, transformá-la, redimensioná-la. 
- Para incluir novos elementos que permitem explicar e entender os processos vividos.

Psicologia vs Psicologia positiva

A psicologia actual emprega a empatia em três sentidos, conhecer os sentimentos de outra pessoa, sentir o que ela está sentindo e agir compassivamente nos problemas que a afligem.
A psicologia tem como principal função diagnosticar, medir e tratar do negativo, a psicologia positiva tem com principal função transformar o negativo em positivo, fortalecer e promover atitudes e emoções, ou seja a psicologia positiva serve para a prevenção em vez do tratamento.

Quem vai beneficiar com isso? - Todos os que falarem comigo :) 

Em: Pensar Positivo 



    
   
 
  
   
  
   
   
  
   
      
  
   
   
  
   
    

Sobre Mim


Rui F. Sei que ter ansiedade atrasa todo o processo da vida e pelo que dedico muitas horas para levar até si tudo o que possa ajudar a compreender esta doença. Foi uma forma que encontrei para tornar útil a minha ansiedade.
  

Outros Projetos Pessoais

Fique a Saber

Práticas Alternativas


Informação e ajuda à ansiedade, depressão e ataques de pânico
Information and help with anxiety, depression and panic Attacks
Información y ayuda con ataques de ansiedad, depresión y pánico
L'information et aider avec des d'anxiété, dépression et la panique

Vladman.net © 2010-2017

vladman.net