Uma opinião da pessoa mais ansiosa do mundo

Postado por Rui Fonte em sexta, março 3, 2017 Em: Opinião Pessoal

Sim, eu tenho a medalha da pessoa mais ansiosa do mundo :) e esta opinião pode-a deitar lixo no final mas leia o texto até ao fim. A pergunta que mais recebo no meu mail é " como me curo da ansiedade \ pânico? ". É uma pergunta super normal até porque eu próprio já questionei o mesmo. Sendo assim montei este texto que vai servir para copiar e enviar a todos que me enviam esta pergunta, o objetivo é dar a entender que não existe uma resposta universal infalível e cada um tem que procurar o que melhor se adapta a si mesmo. 

Diga-me uma coisa...

...o que você faz quando está com uma gripe? O mais indicado é o repouso, ingestão abundante de líquidos e um remédio que acalme os sintomas, correto? O mesmo é válido (com outras indicações) para outras doenças, o que quero dizer é que cada doença tem a sua forma de ser controlada, esse sucesso muito depende da forma que a pessoa encara e age contra ela. Aqui não é diferente, desde que somos brindados com este tipo de desordem a vida tem que ser alterada, ponto final!

Sobre a medicação

Então, vamos nos entender, não existe nenhum medicamento que o vá curar da ansiedade sabe porque? Porque a ansiedade não se cura, vai estar consigo até ao fim, assim como a vontade de comer, também não se cura. A medicação existente, anti-depressivos e ansioliticos e derivados servem também e repito, também para ajudar o controle da ansiedade, pânico e depressão já que podem ser usadas noutras doenças. Lembre-se, o medicamento para a sua ansiedade é ajudar a controlar e com isso os sintomas são camuflados ou não, nada mais.  
Como me curo da ansiedade\pânico?

Substitua o "curo" por "controlo" e na minha humilde opinião a medicação não será a responsável pelo sucesso desse controle, poderá ser uma moleta mas nunca a chave. Já ouviu dizer que quem deseja mudar faz alguma coisa? Se hoje a vida está cada vez mais sufocante, as alternativas para se ajudar estão cada vez mais acessíveis. Por exemplo, um livro pode fazer toda a diferença na vida de quem realmente deseja mudar, pelo menos na forma de pensar.

A minha visão sobre as recaídas
O que fazer e não fazer para se controlar

Porque?

Porque ao mudar a maneira de como pensamos, mudamos também a maneira de como agimos e essa mudança vai balançar as estruturas do nosso mundo até que tudo fica diferente. 
Quem realmente quer mudar faz o que tem em mãos para isso. Se não gosta de ler, veja um vídeo, se não gosta desses métodos de "auto ajuda" procure uma terapia, métodos alternativos do tipo implementar desporto na rotina, fazer yoga, estar mais em contacto com a natureza, a alimentação também tem um papel fundamental, raios, até as próprias pessoas que nos rodeiam têm influencia para quem sofre de ansiedade ou depressão. Mas tente, vá fazendo, porque todo o controle vem de dentro.

Resumindo

O tão desejoso controle depende mais de si do que o seu médico, medicamento ou familiar. Você é que tem o poder para alterar esses sintomas desagradáveis que sente mas para fazer isso não se pode deitar no sofá com uma caixa de calmantes na mão, o que tem mesmo que fazer é levantar o queixo e alterar a rotina da sua vida. Isso vai curar a sua ansiedade? Não, mas vai permitir que você leve uma vida onde nem se lembra que tem uma doença. Vai ter recaídas? Vai, mas bem menos frequentes. E acredite, isto é uma garantia da pessoa mais ansiosa do mundo.

Em: Opinião Pessoal 



    
   
 
  
   
  
   
   
  
   
      
  
   
   
  
   
    

Sobre Mim


Rui F. Sei que ter ansiedade atrasa todo o processo da vida e pelo que dedico muitas horas para levar até si tudo o que possa ajudar a compreender esta doença. Foi uma forma que encontrei para tornar útil a minha ansiedade.
  

Outros Projetos Pessoais

Fique a Saber

Práticas Alternativas


Informação e ajuda à ansiedade, depressão e ataques de pânico
Information and help with anxiety, depression and panic Attacks
Información y ayuda con ataques de ansiedad, depresión y pánico
L'information et aider avec des d'anxiété, dépression et la panique

Vladman.net © 2010-2017

vladman.net