Diferença entre um síndrome e uma doença

Postado por Rui Fonte em terça, fevereiro 13, 2018 Em: Comparações

Os termos doença e síndrome podem te enigmar, principalmente se saírem da boca de um médico. Mas serão os dois termos tão diferentes? Quais são as diferenças entre as duas palavras?

A diferença básica entre os dois termos refere-se aos sintomas que eles produzem. Uma doença pode ser definida como uma condição de saúde que tem uma razão claramente definida por trás disso. Uma síndrome (da palavra grega que significa "correr-juntos"), no entanto, pode produzir uma série de sintomas sem uma causa identificável. Eles podem sugerir a possibilidade de uma doença subjacente ou mesmo as nenhuma chance de desenvolver uma doença.

Vou dar um exemplo. Uma síndrome metabólica não é uma doença. Pode indicar uma doença subjacente como a do diabetes tipo 2 ou uma doença cardíaca.

Como verificar os batimentos de coração

Ligação entre o refluxo ácido e o estresse

Tudo serve de doença mental

Mesmo se passa com a síndrome policística, não é uma doença. Em vez disso, é uma indicação de uma série de outros fatores que podem estar funcionando mal no corpo - por exemplo, um distúrbio hormonal ou obesidade.
Uma síndrome refere-se a um grupo de sintomas, enquanto uma doença se refere a uma condição estabelecida.

Uma doença é uma condição marcada por 3 fatores básicos

1. Uma causa biológica estabelecida por trás da condição.

2. Um grupo definido de sintomas.

3. Alteração constante da anatomia devido à condição.

Já a síndrome não tem nenhum desses recursos. Mesmo os sintomas que estão presentes geralmente não são consistentes  e definitivamente não são rastreáveis para uma única causa.


Síndrome de "os incríveis"

A razão por trás da maioria das síndromes ainda não foi identificada. Por esse motivo, eles são um tipo de mistério médico. Em contraste, o motivo ou causa de uma doença pode ser identificada com muita facilidade. Algumas doenças como as mentais podem se manifestar sobre a forma de algumas síndromes.

Como a razão por trás da maioria das síndromes não pode ser encontrada, elas são abordadas de maneira definitiva. O médico pode prescrever-lhe medicamentos temporários que ajudem a controlar seus sintomas. Já numa uma doença, há um procedimento de diagnóstico definitivo e tratamento que acompanha todas as condições.

Resumo:

1. O sintoma causado por uma síndrome não tem uma razão estabelecida por trás disso. Em caso de doença, a causa é identificada.

2. Pela razão acima, o tratamento de uma síndrome é principalmente sintomático. Em caso de doença, a causa subjacente é tratada.

3. Uma doença provoca alterações na anatomia, uma síndrome pode não produzir tais mudanças.

Em: Comparações 



   
Sintomas
      
Medicação
  
   
    
Sertralina - Fluoxetina - Paroxetina
   
Teste De Ansiedade
  
Alimentação
   
Transtornos Mentais
  
 
   
Dicas - Ansiedade e Pânico
  
Dor no peito - Ansiedade\Pânico   
   
Tratamentos
  
Graus da Depressão
   
Desconforto Abdominal
  
Luta ou Fuga
  
Histórias
   

Sobre Mim


Rui F. Sei que a vida é mais fácil sem que a ansiedade domine a cada minuto. Pelo que dedico muitas horas para levar até ti tudo o que te possa ajudar a compreender esta doença.

Outros Projetos Pessoais

Práticas Alternativas


Informação e ajuda à ansiedade, depressão e ataques de pânico
Information and help with anxiety, depression and panic Attacks
Información y ayuda con ataques de ansiedad, depresión y pánico
L'information et aider avec des d'anxiété, dépression et la panique

Vladman.net © 2010-2018

vladman.net