Alessandra Leite conta um pouco da sua historia

Postado por Rui Fonte em quinta, abril 18, 2013 Em: Casos

Este é um guest post de uma leitora que teve a amabilidade de partilhar com todo mundo parte do seu caso, assim começa...Vou contar minha história também...

Sempre fui uma criança ansiosa, medrosa. Tive um pai super violento (não comigo e com meus irmãos, mas com minha mãe sim).
Tive uma sobrinha deficiente, com paralisia cerebral e desde cedo tive que ajudar a cuidar dela, não dormia quando ela estava comigo, medo de acontecer algo e eu não ver. E foi assim dos 9 aos 14 anos. Quando ela já estava muito grande e eu não conseguia mais cuidar dela, então minha irmã largou o emprego para fazer isso.

Nessa mesma época perdi um amigo, foi assassinado em um assalto e foi quando tive minha primeira crise diagnosticada. Meu sintoma? Enxaqueca, eu só tinha dores horríveis de cabeça aliada ao medo anormal de ter algo errado. Chegando a repetir tomografias e ressonâncias. Passou um tempo, me tratei com psiquiatra e terapia e jurava estar bem.

Perdi a minha sobrinha no dia 22 de Junho, um irmão no dia 14 de Julho e uma irmã da 1 de Agosto. Pronto, nunca mais tive paz. E isso já tem seis anos.
Já fiz tantos exames achando que tinha algo grave que perdi as contas. Já parei tantas vezes na emergência jurando estar infartando. 

Tenho medo de perder as pessoas de um jeito quase neurótico. E tenho ainda mais medo de algo acontecer comigo porque minha mãe não aguentaria. 
Não saio, praticamente não tenho amigos, mantive minha faculdade trancada por muito tempo.
Estou tentando retornar a vida. Meu diagnostico está fechado em Ansiedade Generalizada, Depressão e Hipocondria (sim, eu acho que tenho todas as doenças e sinto fisicamente os sintomas delas).

Tomava Venfalaxina 75 mg e rivotril 4 mg dividido em duas doses. Ontem meu psiquiatra mudou quase tudo. E minha nova medicação é Venfalaxina 150 xr dividida em duas doses, Frontal 2 mg dividida em duas doses e rivotril 2 mg em dose única. 
E por incrível que pareça isso me deixou ansiosa. Quero tanto que der certo, que consiga sair desse estado de medo e prostração que fico lendo a bula toda hora para ver quando começarei a sentir os efeitos. Enfim, boa sorte a todos nós.

Obrigado Alessandra Leite.  

Em: Casos 


Tags: testemunho   
    
 
    
  
  
   
   
  
   
      
  
   
   
  
   

Sobre Mim


Rui F. Sei que ter ansiedade atrasa todo o processo da vida e pelo que dedico muitas horas para levar até si tudo o que possa ajudar a compreender esta doença. Foi uma forma que encontrei para tornar útil a minha ansiedade.
  

Outros Projetos Pessoais

Práticas Alternativas


Informação e ajuda à ansiedade, depressão e ataques de pânico
Information and help with anxiety, depression and panic Attacks
Información y ayuda con ataques de ansiedad, depresión y pánico
L'information et aider avec des d'anxiété, dépression et la panique

Vladman.net © 2010-2017

vladman.net